Diogo Costa Leal


Natural do Porto, residente em Almada. Publicou o livro de poemas “No princípio era a nudez” (2017). Publica álbuns digitais através desta morada ( https://diogocostaleal.bandcamp.com ). Co-autor do grupo de performance e improviso de música e poesia Poemó’Copo ( https://www.facebook.com/poemocopo ) (desde 2014). Escreve neste blogue ( https://diogocostaleal.blogspot.com ). Ama unir a escrita com a oralidade das palavras, performance, teatro físico, música e outras artes, estando envolvido em projetos desse âmbito desde 2010. Poemas da sua autoria foram partilhados pela revista Novos Talentos (PT), LER (PT), Jornal Grande Porto (PT), poezine Debaixo do Bulcão (PT), revista Germina (http://www.germinaliteratura.com.br/2017/diogo_costa_leal.htm ) (BR) e Poema Dia (BR). Partilha pontuais improvisos de piano e poemas com misturas sonoras ( https://soundcloud.com/diogocostaleal ) e video-poemas (https://www.youtube.com/user/VerticeRedondo/videos ). Em 2017 foi formador de uma oficina de poesia oral e escrita com jovens portugueses e franceses num intercâmbio artístico Erasmus+ realizado em Limony (França). Foi co-autor dos programas de rádio sobre poesia “Eclético Azul” (RUA FM, Faro, 2011-2012) e Vadiação Poética (Rádio Manobras, Porto, 2013-2015). Foi também autor do projeto de entrevistas Um Poeta para Con-versar ( https://umpoetaparaconversar.wordpress.com/ )  (2016 – 2018).

diogocostaleal.blogspot.com